Copasa vai ampliar ETE Vale do Sereno

Publicado Terça, 12 Março 2019 19:40
ETE Vale do Sereno: Atualmente, recebe o esgoto gerado por cerca de 18 mil habitantes da região © Foto: Divulgação ETE Vale do Sereno: Atualmente, recebe o esgoto gerado por cerca de 18 mil habitantes da região © Foto: Divulgação
Com o novo projeto, a unidade passará a ter uma capacidade para tratar até 75 litros de esgoto por segundo. A empresa explica que, com as intervenções que serão executadas na ETE, também será ampliado o processo de remoção de odor. A Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) informou que até o dia 30 de junho deste ano a obra de ampliação da Estação de Tratamento de Esgoto – ETE Vale do Sereno será licitada. Segundo a empresa, de acordo com o projeto, em elaboração, a unidade passará a ter uma capacidade para tratar até 75 litros de esgoto por segundo. Atualmente, o esgoto gerado pelos cerca de 18 mil habitantes da região, 33 litros de esgoto por segundo são tratados na ETE Vale do Sereno e outros 24 litros por segundo são encaminhados para tratamento na ETE Arrudas, em Belo Horizonte. Projetada, inicialmente, com capacidade para tratar 23 litros de esgoto por segundo, a ETE ficou saturada com o crescimento populacional da região. Outro fator impactante é o mau cheiro que persiste e que obriga moradores a conviver com um odor insuportável, causando grande desconforto para a população no entorno e por usuários da rodovia MG030 naquele trecho. A Copasa esclareceu que entre as intervenções que serão executadas na unidade, também será ampliado o processo de remoção de odor. A previsão é de que as obras sejam concluídas em 12 meses, após o encerramento do processo licitatório. Segundo informou Davide Araújo Bichara Simão, Superintendente de Operação de Serviços e Tratamento de Efluentes da Copasa, o volume de esgoto aumentou “devido à utilização de água pelas residências para lavar pátio, garagem, passeios e outros. A água é descartada na rede coletora da Copasa e aumenta o volume, o que prejudica a manutenção da ETE”, disse ele. Ainda segundo Davide, essa obra de duplicação da capacidade de tratamento dos efluentes irá solucionar um outro problema, que é o lançamento de esgoto em um córrego na região. “O esgoto receberá tratamento condizente com o nível de classificação do córrego onde será despejado, ou seja, será devolvida água limpa”. Fórum defende expansão de Estação de Fechos Importantes setores econômicos, políticos, ambientais e sociais apoiaram, publicamente, a expansão da Estação Ecológica de Fechos (EEF) no último dia 27 de fevereiro. As declarações foram feitas durante o Fórum Intermediário do Projeto Hidroambiental “Fechos, Eu Cuido!” que ocorreu na Escola do Legislativo da ALMG e reuniu mais de 100 pessoas. O Fórum foi uma realização do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas (CBH Rio das Velhas) e Subcomitê de Bacia Hidrográfica Águas da Moeda (SCBH Águas da Moeda). O objetivo foi discutir a preservação e a expansão da Estação Ecológica de Fechos a partir do Projeto de Lei nº 444/2015 em tramitação na ALMG. A EEF possui 602,95 hectares e ganharia outros 269,5 hectares com a aprovação do PL (atualmente arquivado na Casa Legislativa). A justificativa está na relevância da EEF ao abrigar cursos d’água que abastecem 135 mil habitantes de Nova Lima e Belo Horizonte atualmente, além de diversas espécies de fauna e flora ameaçadas.. Apesar de toda a sua riqueza natural, a Estação Ecológica de Fechos sofre ameaças externas que impactam na sua preservação. A expansão urbana no entorno, por exemplo, cresceu 313% e, a atividade de mineração, 159%, nos últimos 25 anos, segundo pesquisa científica da Engenheira Ambiental especialista em Geoprocessamento, Manejo de florestas nativas e Gerenciamento de projetos, Luciana Eler França. Texto extraído do Boletim Informativo do Projeto “Fechos, Eu Cuido!” de autoria da jornalista Míriam A. S. Almeida.

Um jornal moderno, com a credibilidade e a leveza no jeito diferente de informar. Notícias, cultura, gastronomia, negócios, eventos e muito mais sobre um dos bairros mais charmosos de BH.

31 3264.0211 | 3286.1181

Edição Digital

Inscreva-se e receba o Jornal Belvedere em formato PDF.

Não mandaremos Spam!